Sábado, 12 de Fevereiro de 2005

HÁ QUARENTA ANOS, ASSASSINARAM UM PRESIDENTE ELEITO

foto29cr[1].jpg

Um Presidente não chegou a tomar posse. Nem sequer lhe reconheceram que ganhou nos votos. Depois foi assassinado com o corpo abandonado aos cães num matagal em Espanha, meio corroído com ácido. Obra da PIDE, há quarenta anos. Delgado foi o homem que mais incendiou o desejo de liberdade neste povo pátrio. Depois, por causa disso mesmo, nunca mais houve eleição directa para Presidente da República. O cargo foi dado a Tomás que o conservou até 1974.

Com o assassinato do General Sem Medo, Delgado entrou na lista dos assassinados pela PIDE juntamente com Eduardo Mondlane, Amílcar Cabral e muitos outros. Assassinar era coisa que os pides sabiam fazer e faziam bem.

Na foto: Miguel Torga saudado durante uma sessão em Coimbra de apoio à candidatura de Humberto Delgado.
publicado por João Tunes às 19:07
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


.posts recentes

. NOVO POISO

. COMPLEXOS DE ESQUERDA

. ONDE MEXE MEXIA?

. AGORA

. ...

. SIM, ZAPATERO

. AO MANEL

. DESGOSTO ANTECIPADO

. CHISSANO ARMADO EM SPARTA...

. DOMINGO ANTECIPADO

.arquivos

. Setembro 2007

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds